Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



(9)

20.10.11

"- Por que resistes? - perguntou Joan.

- Quê?

- Porque resistes? - repetiu ela.

- Não resisto... porque razão o faria?

- Não sei. Alguma coisa, no teu íntimo, está fechada, e não queres deixar ninguém entrar.

- Vamos beber mais um pouco - disse Ravic.

- Sou feliz e gostaria que também o fosses. Sou completamente feliz. Desperto contigo e durmo contigo. Não tenho consciência de mais nada. A minha cabeça é feita de prata quando penso em nós, e, por vezes, assemelha-se a um violino. As ruas estão cheias de nós como se fôssemos música; de quando em quando, surgem pessoas a conversar, e as figuras sucedem-se como num cinema, porém, a música permanece. Para sempre."

 

Eric Maria Remarque, Arco do Triunfo, pág. 124

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:25


Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog


Posts mais comentados