Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



(91)

23.01.14

Sobre a música nas lojas de roupa:

 

"Acontece que, se eu quiser ouvir música de dança alto, vou a uma discoteca - não a uma loja de roupa. E era isso que eu queria que as pessoas das lojas de roupa percebessem; que, possivelmente, muita gente não se queixa apenas porque aceitou com resignação o estado de coisas, da mesma forma que se aceita que, para se degustar amêijoas à Bilhão Pato, muitas vezes não há outro remédio senão passar pelo horror de trincar generosas doses de areia.

É claro que tudo isto é um plano sinistro que deve ter começado numa única loja e depressa a palavra passou e o vírus contagiou toda a cadeia de roupa - a verdade é que, se temos como objetivo, numa incursão por um destes establecimentos, adquirir roupa, a potente batida de Barbra Streisand ou I Like The Way You Move obriga-nos a comprar avidamente e em quantidade - como se, por fazermos isso, algo em nós nutrisse a esperança de que o sofrimento vai parar e a música vai desvanecer-se. É uma estranha sensação, como se alguém nos gritasse: «COMPRA OU A GENTE SOBRE AINDA MAIS O VOLUME!». E nós compramos."

 

 "Miopia e Astigmatismo", Nuno Markl

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:54


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog


Posts mais comentados